O artigo apresenta reflexões do filósofo Vilém Flusser como
contribuições para o esforço criativo de uma estética relacional do webdocumentário.
Assim visto, o campo surge como um pensamento imagético marcado pelo engajamento
político e estético, no qual a indeterminação e o corpo são fundamentais no processo
criativo. O webdocumentário HighRise (Katerina Cizek, 2010-2013) ilustra o cruzamento
de Flusser com as abordagens de Bergson e Deleuze sobre a imagem.

 
PAZ, André ; SALLES, J. (2013), Dispositivo, acaso e criatividade – por uma estética relacional do webdocumentário. Doc On-Line: revista digital de cinema documentário, v. 14, p. 33-69.

 
Lien vers l’article : http://www.doc.ubi.pt/14/dossier_andre_paz.pdf

mars 16, 2018

Laisser un commentaire